Tomb Raider: A Origem – Filme

Fui ao cinema esses dias com o intuito de descansar a cabeça e me deliciar com a telona, assistindo um filme de preferência bom, afinal estava pagando, e quando pago, gosto que valha à pena. Assistir filme ruim em casa não tem problema nenhum, mas no cinema eu fico bem chateada.

Enfim, fomos uma amiga minha e eu e olhando os filmes em cartaz, ela escolheu este, disse que queria muito assistir desde quando lançaram o trailer, então fomos.

blogib_tomb-raider_feat

Um pouco sobre o filme…

O filme conta a história de Lara Croft, uma jovem com dificuldades financeiras que leva a vida fazendo entregas pela cidade e como hobbie luta em uma academia na qual não possui dinheiro para pagar. Mas Lara não é de uma família pobre e humilde e sim está herdando um império do pai, que desapareceu em uma viagem misteriosa.

Tendo que assinar os papéis para ocupar o lugar do pai na fortuna, Lara encontra pistas de seu possível destino em sua viagem. Como esta não aceita desde pequena que o pai tenha morrido, resolve seguir as pistas e encontrá-lo a qualquer custo.

Ela descobre então que o pai foi para uma ilha de nome Yamatai para proteger a tumba de uma antiga lenda. Nessa tumba encontra-se uma antiga rainha na qual se for retirada de sua prisão traria morte e desordem ao mundo, nas mão erradas.

Lara então encontra o filho do marinheiro que levara seu pai ao local e que também sumira durante a viagem, e pede para que a leve até a ilha. Lu Ren, decide aceitar o pedido de Lara e os dois embarcam na ilha atrás de seus pais. O que não imaginam são as coisas misteriosas que encontraram por lá e explicações concretas para tudo o que irá acontecer.

9-alicia-e1516218417493

Minhas opiniões:

Para mim o filme não é legal nem para passar o tempo, achei ele todo mal feito e muito fantasioso, talvez porque ele seja baseado em um game, mas mesmo assim achei que o roteiro poderia ser construído de uma forma melhor.

Lara como heroína não funcionou muito bem para mim, não pelo fato de ela ser mulher, mas sim por ela ser completamente despreparada de tudo no começo do filme, e ao decorrer sem nenhum preparo a mais ela se torna “fodona”. Não há uma explicação para isso, ela simplesmente com o calor do momento se torna incrível, o que me deixa com um ar de “ta faltando muita coisa nesse meio para explicar o porque de ela ser tão incrível”.

As atuações não são tão boas quanto o esperado, a atriz Alicia Vikander me lembra Kristen Stweart em sua atuação. Com uma única expressão ela leva o filme todo, sem trazer um pouco mais para sua personagem.

O sofrimente e a dificuldade no filme são bem demarcados e até mesmo exagerados, me senti aflita na maior parte do tempo, mas nem tanto por ser bem feito, mas sim, por algumas coisas serem completamente simples de resolver, mas o roteiro opta pelo sofrimento intensificado.

tomb-raider-pictures-wallpaper-1

Cuidado, spoilers!

  • O filme é interessante no começo, onde vemos que a personagem é bem destemida, mas para por aí, não se constrói mais nada para mostrar como foram intensificada suas outras características como luta, um ótimo tiro ao alvo e etc.
  • Ter aprendido a atirar com arco e flecha quando era criança não torna a pessoa fodona no tiro ao alvo, isso é ridículo, alguém que faz arco e flecha não consegue atirar certeiro em pessoas em movimento;
  • Ela ter ido para a ilha sem uma equipe de buscas, sem um barco adequado e sem preparação nenhuma foi outro ponto meio esquisito, pois a jovem é milionária mas não aceita o dinheiro do pai, por achar que ele ainda está vivo. Se ele está vivo, ela deveria aceitar a fortuna e usá-la para ir em busca desta comprovação.
  • O vilão é ruim, talvez por não ser o vilão principal do todo e só estar cumprindo ordens, mas mesmo assim ele é ruim, mal construído e interpretado.
  • No momento em que eles descobrem que tudo não é uma maldição e sim uma doença me deixa MUITO DE CARA, porque o filme todo é muito fantasioso, então porque não deixar a única coisa certeira ser fantasiosa também?
  • Talvez a melhor parte do filme tenha sido descobrir que o vilão maior era alguém tão próxima de Lara, alguém que ninguém desconfiaria, talvez um segundo filme falando sobre isso seja bem mais interessante.

Vocês já assistiram ao filme? O que acharam?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s